CONSUMISMO

Você não está cheio de ver e saber que os preços na nossa terra estão muito mais altos que nos

Estados Unidos e na Europa? Não fica puto sabendo que eles ganham mais e ainda pagam menos

pelas coisas que ainda tem melhor qualidade?

O que podemos fazer já que nós brasileiros somos acomodados e não conseguimos brigar nas ruas
por nossos direitos para ter um país construído para nós?
Vamos fazer o que podemos de casa mesmo? A melhor coisa que podemos fazer pelo nosso país
neste momento é parar de consumir. Não quero dizer que devemos parar de viver, apenas para nos habituarmos a comprar menos supérfluos e
quando comprarmos, escolhermos quem nos traz um preço justo.
Se fizermos isso, em 6 meses os empresários estarão de cabelos em pé e juntamente com o governo, vão ter que arrumar uma fórmula de colocar
os preços a níveis reais para nosso bolso.
Tenho pesquisado e comparado preços em todos os setores e sempre saímos perdendo. Um exemplo são as vitaminas, se você pegar por exemplo
uma básica que todos deveriam tomar diariamente, a vitamina c. A quantidade sugerida para consumo por dia é de 1000mg (eu tomo e
dificilmente tenho gripe), nos Estados Unidos você compra um frasco com 250 capsulas por U$ 8,49, vamos multiplicar por 2 para facilitar, sairia
então R$ 17,00. Pesquisando numa de nossas farmácias mais baratas achei o Cebion com 10 comprimidos por R$ 9,30, parece barato?
Multiplique por 25 e você terá a mesma quantidade que o americano pagando R$ 232,50, não é fantástico? Nessas pequenas coisas não
percebemos que estamos pagando um absurdo.
Temos que mostrar que não aceitamos qualquer coisa, temos que exigir qualidade e preço!
Estejam atentos, procurem e pesquisem bem antes de alimentar essa indústria de preços abusivos. Podemos economizar e gastar com viagens,
cursos e moradia, que podem, em alguns casos estar caros, mas que contribuem para nosso futuro e engrandecimento como pessoa.
Anúncios

7 comentários sobre “CONSUMISMO

  1. Oi Rico, onde trabalho, que é uma marca de maquiagem americana, é muito comum nossas clientes nos acusarem de explorarmos o consumidor com preços abusivos comparados ao EUA. Um batom nosso lá custa US$2,00 e aqui R$29,00 = 7vezes mais caro. Porque isso: só para chegar no Brasil o produto fica 250% mais caro. É uma lista interminável de impostos. Depois aqui no Brasil em cada etapa de venda, tem mais impostos em cascata. Mas não é só isso. Alugueis de shopping são absurdamente altos, custos de frete carrisssímos e mão de obra. É o famoso custo Brasil. Bem e pra finalizar, pra reduzir os preços é necessário ter escala. Em fim, acho que em grande parte das vezes não é só culpa dos empresários. Acho que temos que lutar é para reduzir estes impostos absurdos que pagamos e que nunca retornam pra população. Já pensou como seria se no Brasil, pagássemos o imposto destacado na hora da compra, como nos EUA?
    Todo mundo ficaria enlouquecido de pagar num carro quase 40% de imposto ( se não me engano). Acho que consumir é saudável. Gera empregos e o pais cresce. Na minha opinião o que temos que lutar é contra este governo ridículo e incompetente que nos explora e não entrega nenhum beneficio. Agora neste ano teremos eleição e sinceramente não tenho nenhum candidato que eu confie ou tenha uma expectativa de mudança. Vivemos um momento ufanista como se tudo estivesse umas maravilhas, mas nunca tivemos tanta corrupção e uma sociedade tão apática.

    • Rogerio, bom dia!
      O meu ponto de vista é que estamos alimentando essa alta toda se continuarmos a consumir sem controle (como a maioria dos brasileiros faz).
      Se a engrenagem parar o governo vai ter que ajudar os empresários ou o país afunda.
      A iniciativa de baixar a margem de lucros os empresários não querem e trabalho no comércio há anos e sei que a maioria tem mais que o dobro em lucro e com um agravante, o empresário brasileiro não investe no seu funcionário (na maioria dos casos), não compartilha lucros, não capacita, não dá incentivos…
      O governo por sua vez não quer perder sua fatia e só vai baixar os impostos (como vem acontecendo com alguns produtos), a hora que a coisas piorar mesmo em todos os setores.
      Se a iniciativa não partir de nós a coisa vai ficar sempre nesse ping pong entre governo e empresários!
      Abraço e obrigado por agitar a discussão

  2. Pesquisava sobre bike dai encontrei esse blog e me envolvi na leitura desse tópico…

    Gostei do seu ponto de vista e achei que pudesse contribuir com seu raciocínio…

    Como brasileiro, gosto de consumir aqui, no Brasil. Porém, os preços atraentes praticados no exterior me impedem de contribuir para o consumo local.
    Sou praticante de montanhismo e escalada em rocha e posso dizer, com propriedade, que os preços de equipo praticados no Brasil equivalem a extorsão.
    Vou exemplificar:
    Paguei o equivalente a R$320 numa jaqueta de alta montanha Marmot, em La Paz. Enquanto a mesma jaqueta sai por R$ 1.900, no Brasil. Na França, sairia o equivalente a R$ 300.
    É uma pena que essa nossa economia seja assim tão cruel, que alimenta o mercado informal.
    Afinal, brasileiro não gosta de se sentir por baixo, desprivilegiado, por fora.

    Espero não ter sido inoportuno.

    Valew!

  3. Gostei da postagem. Isso sempre me incomodou e o único modo de reagirmos a isso é fazendo mais vezes o que você sugere aqui. Temos que tomar uma atitude em defesa de nós mesmos e parar de comprar no Brasil. O Governo nos trata como cidadãos de terceira classe e ao mesmo tempo, nos faz pagar como se fossemos da primeira! Cobram impostos absurdos deixando os empresários de mãos atadas e nós, os consumidores, com os altos custos dessa política nada inteligente. O único modo de obtermos mais respeito é Economizando e viajando para fora. E para sobrar mais dinheiro para comprar bem, fica a dica do http://www.HomeExchange.com. Experimente trocar sua casa e gastar o dinheiro que ia empregar num hotel em compras úteis. Explore o mundo e deixe de ser explorado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s