BRASIL E O FUTURO DO PRETÉRITO

Final de semana estava com dois amigos da Alemanha aqui em São Paulo e no domingo eles me pediram para ir ao centro da cidade, eu hesitei um pouco, perguntei se eles tinham algum interesse específico, já que tinham pouco tempo, e eles citaram algumas coisas como Teatro Municipal, Praça da República, Pinacoteca, Estação Prestes e Catedral da Sé…avisei então que eles iriam ver muita sujeira e pobreza. Dei uma volta com eles a pé pelos jardins, comemos uma batata rústica e um brigadeiro de colher na Lanchonete da Cidade e depois pegamos o metrô para a Sé. Tudo rápido e perfeito até sairmos da estação, tive que esconder meu susto vendo também que eles estavam passados…tenho que confessar que até fiquei com vergonha, simplesmente era um mar de mendigos tomando a praça toda, muito mais do que eu havia imaginado. Pegamos também a distribuição do sopão, que foi muito bonita, mas ainda assim triste. O medo conseguimos deixar de lado pois a presença da polícia também era grande.
 
Depois caminhamos por ruas menores com a mesma paisagem triste, até chegamos na Praça Patriarca. A coisa então mudou um pouco, deserta mas cercada de prédios antigos, lindos e mal conservados…Praça Ramos com vista linda mas ainda muito suja e chegando ao lindo Municipal jogado no meio de um nada. Fomos ainda até a Praça da República mas tive que avisá-los que estávamos perto do horário de escurecer e eles me entenderam, infelizmente não seria nada seguro continuar andando por essas ruas à noite. Conclusão, eles ficaram maravilhados com os contrastes da cidade, não conseguiam entender como isso pode acontecer. E todos nós sabemos de cor pois muitas perguntas estão sem respostas há anos:
 
Como o centro da cidade tão lindo pode continuar esse lixo? Como o brasileiro pode ser tão consumista vivendo cercado por uma pobreza tão grande? Por que o brasileiro gasta tudo que recebe com coisas supérfluas? Como os políticos não tem vergonha de roubar tanto com tanta gente passando necessidade? Por que o Brasil precisa mostrar que está na frente, fazendo trem-balas e estádios milionários e não começa resolver os problemas mais sérios?
 
Claro que não dá para parar com tudo, por exemplo, em São Paulo uma ampliação no aeroporto e das linhas do metrô são urgentes e muito mais importantes para o crescimento do que os outros dois. A nossa cidade não aguenta tanta gente, tantos problemas sem uma administração que pense na qualidade de vida e num crescimento organizado. Está muito feia e toda remendada no geral. Bairros são destruídos e dão lugar a prédios, que daqui a pouco vão disputar o espaço aéreo de tão altos. Aqui na rua onde moro é um exemplo ótimo, várias casas pequenas e lindas estão sumindo, já são dois prédios em construção ao mesmo tempo e claro a falta de respeito aos moradores vizinhos impera com apoio do prefeito, a lei permite que eles façam barulho dia e noite, o que importa é ganhar dinheiro, não é? Então vem o lixeiro à meia noite, 2h é hora das caçambas e aqueles caminhões super silenciosos, às 4h é entrega de materiais e às 7h começam a trabalhar…será que tem um horário para se dormir? Em contrapartida comemorar um simples aniversário com uma festa é vetado pois faz muito barulho…ah, talvez o barulho seja diferente? E também esqueci de todo aquele jogo de interesses que o governo não pode ficar de fora, e o cidadão que sustenta tudo isso não tem escolha.
 
Afinal Brasil é o país da moda, que está em ascensão, temos que reconstruir a cidade e esconder todo esse lixo e falta de estrutura para suportar um crescimento organizado e bom para todos. Em que mundo vivemos afinal? Falta educação, sobra impunidade e corrupção e nós brasileiros parecemos avestruzes diante de uma realidade que para mim é assustadora. São Paulo, com todo o dinheiro que gera, poderia ser uma das melhores cidades do mundo…infelizmente está longe disso e se os nossos governantes fossem mais espertos veriam que fazendo isso atrairiam muito mais turismo e dinheiro para cá.
 
BRASIL ACORDA! Está na hora de conjugar o tempo certo!
Anúncios

4 comentários sobre “BRASIL E O FUTURO DO PRETÉRITO

  1. Rico:
    Vc tem toda a razão, na maioria das vezes esse nosso país cansa! Sei q é errado (ou pelo menos não é a atitude mais adequada), mas hoje tenho preguiça de discutir as soluções para o Brasil. São tão óbvias, mas os governantes tapam seus olhos para a realidade e só pensam em seus umbigos! Veja São Paulo, a cidade: o prefeito só tem atitude para criar novo partido e nova legenda para se candidatar a novo cargo. A cidade e as políticas públicas, que fiquem para o próximo alcaide! E os vereadores, ao invés de fiscalizar o executivo e propor novas leis para beneficiar a população, ficam na Câmara votando projetos homofóbicos e sem qualquer utilidade pública (vide o dia do orgulho heterossexual aprovado nessa semana, projeto do evangélico e homofóbico Apolinário!).
    Confesso, não tenho mais paciência com esses políticos. E parece q a saída desse país é mesmo os aeroportos (isso depois de passar por filas intermináveis dos saguões e esperar pelos voos, geralmente atrasados ou/e cancelados!)
    bjs
    Maurício
    PS: Desculpe-me pela acidez da resposta, mas política e político brasileiros só com anti-ácido!

  2. Olá Ricardo,

    Muito bonito que voce escreveu. Acho que todos nós carregamos estas perguntas.
    O contraste é muito grande!
    Parabéns e um super beijos

    Bruno

  3. Hello Ricardo,

    You’ve described the current situation of São Paulo so well that it seems like I’m looking to a photograph. I’ve been here two months and I love every minute of them; however, it’s really sad to see the brutal really that the majority of the citizens of SP are living. This is a beautiful city that offers many attractions to tourists, but unfortunately many local people don’t have the money or the time to enjoyed them.

    I wonder what’s going to happen with the World Cup and the Olympics, I don’t believe they’re ready to welcome the world with the current infrastructure. Many people in hotels only speak Portuguese, and that’s ok, but if they want to invite guests from other parts of the world they should at least, pay more and train people in the tourist Industry tom be ready for those events. They can do it, but they have a lot of work to do…just like building all those stadiums in a timely manner.

    I wish you and Brazilians the best, this is a great country with fantastic people, so I just hope that people running the monies stop thinking about themselves and more about their brothers and sisters. Perhaps they don’t realize that they have to share the same space, roads, water, etc with everyone else in Brazil.

    Congratulations Amigo!!!

    Dan

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s